HOMEOSTASE DO SÓDIO EM CÃES NEFROPATAS SOB INFUSÃO DE DOPAMINA

Alexandre Martini Brum, Marileda Bonafim Carvalho, Marcy Lancia Pereira

Resumo


A dopamina é um composto endógeno amplamente utilizado em terapia intensiva. Possui um amplo espectro de ações, tanto sobre o sistema cardiovascular como urinário. Aumento da taxa de filtração glomerular, do fluxo sangüíneo renal e excreção fracionada de sódio são efeitos renais esperados em indivíduos normais, porém são pouco explorados na medicina veterinária. Com o propósito de avaliar a homeostase do sódio em cães nefropatas, este estudo foi conduzido. Diferentes doses de dopamina foram administradas em cães nefropatas. Avaliações laboratoriais foram realizadas durante e após os tratamentos. O clearance de creatinina e a excreção fracionada de sódio apresentaram aumento dose-dependente nos cães sadios. Em cães nefropatas, ambas as dose aumentaram discretamente a TFG, porém não alterou a excreção fracionada de sódio e pressão arterial sistêmica

Palavras-chave


dopamina, canino, insuficiência renal

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/na.v1i2.276