RINOTRAQUEITE VIRAL FELINA: RELATO DE CASO

Marines Castro

Resumo


A infecção pelo Herpesvírus tipo 1 (FHV-1) é comum entre felinos. É uma doença de distribuição mundial e sinais clínicos como descargas nasais e oculares, espirros, tosse e dispnéia são frequentemente observados. A exposição a estas secreções é a principal forma de contaminação. Um gato macho, sem raça definida, de nove meses de idade foi apresentado para atendimento clínico Veterinário com histórico de secreção nasal, espirros, diminuição do apetite e cegueira. Após a instituição do tratamento a base de antibióticos e L-lisina houve uma melhora clínica observada nos primeiros cinco dias. O diagnóstico foi confirmado pela presença de corpúsculos de inclusão em material de raspado conjuntival. Decorridos vinte dias o animal apresentava apenas raros episódios de espirros. A ocorrência deste caso de infecção pelo (FHV-1) deve servir como alerta para a ocorrência desta condição mórbida, como também, da importância da utilização da vacinação entre os pacientes felinos na região.

Palavras-chave


Herpesvírus tipo 1, gato, corrimento nasal, conjuntivite, vacinação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/na.v4i1.575