PESQUISA DE FORMAS EVOLUTIVAS DE PARASITAS CAUSADORES DE ZOONOSES EM TANQUES DE AREIA DE ESCOLAS PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DE ESPÍRITO SANTO DO PINHAL - SP

Patrícia Franciscone Mendes, Luciana Bonato de Camargo

Resumo


As escolas de ensino infantil comumente apresentam tanques de areia que são utilizados pelas crianças como área de lazer. Nestes locais, cães e gatos muitas vezes têm acesso e eliminam fezes contendo ovos e larvas de parasitas. Entre os parasitas encontrados nestas áreas destacam-se os do gênero Toxocara sp. e Ancylostoma sp., causadores de enfermidades conhecidas como larva migrans visceral e larva migrans cutânea, respectivamente. Este trabalho teve como objetivo pesquisar as formas evolutivas destes parasitas em tanques de areia de 16 escolas públicas de educação infantil de Espírito Santo do Pinhal - SP. Amostras de areia foram coletadas e analisadas quanto à presença de ovos e larvas infectantes empregando-se o Método de Baermann Modificado e o Método de Flutuação com Solução Saturada de Sacarose. Detectou-se a presença de ovos de Toxocara sp. em 14 escolas e larvas do mesmo parasita foram encontradas em 11 escolas. Em relação ao Ancylostoma sp., foram encontrados ovos em 1 escola e em 100% das escolas analisadas observou-se a presença de larvas do mesmo parasita. Conclui-se que estas áreas de lazer representam importantes focos de transmissão de doenças parasitárias. Entre as medidas preventivas, podem ser consideradas a instalação de cercas e a cobertura dos tanques com lona plástica. A conscientização da população sobre essas parasitoses representa um importante meio de profilaxia para redução e controle destas doenças.

Palavras-chave


Toxocara sp.; larva migrans visceral; Ancylostoma sp.; larva migrans cutânea.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/na.v4i1.620