CARACTERÍSTICAS DA PRODUÇÃO DE LEITE NOS SISTEMAS INTENSIVO A PASTO E SILVIPASTORIL – REVISÃO.

Rafaela Carareto Polycarpo, Guilherme Faria Bazon, Bruna Leticia Silva Belgo, Celso H. Sumariva Polycarpo Filho, Fábio Roberto Leonel, Adriana Regina Generoso

Resumo


O Brasil é o sexto maior produtor de leite do mundo. Atualmente, grande parte desta produção provém de sistemas de produção que utilizam as pastagens como principal fonte de alimento para os animais. Porém estas pastagens na maioria dos casos são utilizadas de forma extensiva, ou seja, grandes áreas, com baixa qualidade e produtividade. Dentre os diversos sistemas de produção de leite existentes dois deles merecem destaque, o sistema intensivo a pasto e o silvipastoril. O primeiro por conseguir maximizar a produção de leite em áreas relativamente pequenas e o segundo devido às crescentes pressões ambientais, sendo oportunidade de se produzir em ambiente mais sustentável e com maior conforto animal. Esta revisão foi realizada com objetivo de caracterizar e comparar estes dois sistemas de produção de leite.

Palavras-chave


Pastagens e Forragicultura;Produção Animal; Zootecnia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/na.v4i1.716