FETOMETRIA ULTRASSONOGRÁFICA EM PORCAS GESTANTES COMO MÉTODO COMPLEMENTAR PARA AVALIAÇÃO DA MORFOLOGIA E DETERMINAÇÃO DA IDADE FETAL

Edmilson Rodrigo Daneze, Elzylene Léga, Mildre Loraine Pinto

Resumo


Frente ao avanço na utilização das biotécnicas reprodutivas e aos poucos dados referentes ao desenvolvimento gestacional em suínos, faz-se necessária a aplicação de método eficiente de diagnóstico de gestação e da estimativa de idade fetal. Assim, foram submetidas a exames ultrassonográficos, em modo-B, sete fêmeas suínas gestantes, da raça Landrace, em diferentes estádios gestacionais com objetivo de diagnosticar a gestação e estudar parâmetros sobre o desenvolvimento embrionário e/ou fetal dos leitões. Concluiu-se que a ultrassonografia mostrou ser um método bastante acurado e apropriado no diagnóstico gestacional e na avaliação da biometria e morfologia fetais, sendo que o diâmetro biparietal teve o maior número de mensurações quando comparado às demais variáveis, sendo as mesmas consideradas acuradas em virtude das datas de cobertura e de parto serem conhecidas. No entanto, novos estudos devem ser realizados na espécie suína, comparando-se a técnica de biometria fetal em diferentes raças e em diferentes estádios gestacionais.

Palavras-chave


Suíno. Gestação. Biometria fetal. Obstetrícia. Ultrassonografia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.3738/na.v4i2.744